Dicas Para Entrevista de Visto Para os EUA

Olá leitores da VistoRápido,
Após o artigo que fala sobre as principais causas de rejeição do visto. Neste tutorial abordaremos um tema bem interessante relacionado à tão temida entrevista de visto americano com dicas de comportamento e mostraremos também as perguntas mais comuns feitas pelos agentes.

Entrevista-de-visto-para-os-eua-dicas

Depois de ter realizado todo o processo conforme explicamos no post como tirar visto americano chegou o dia de comparecer no consulado para fazer uma entrevista com agente consular. Antes você deve saber que ao contrario de uma entrevista de emprego, a entrevista para visto exige um pouco mais de atenção, pois ela é rápida e o resultado será dito pelo entrevistador logo após as perguntas.
Não existe segredo ou critério para conseguir o visto americano, a decisão do agente consular de negar ou conceder o visto vai depender das intenções e perfil do solicitante onde terá que provar que tem fortes vínculos com o Brasil e que não tenha intenções de morar lá. Exemplo, se você estiver aplicando para o visto de turista e estiver cursando uma faculdade, isso prova que após ir aos EUA você terá que voltar então acaba facilitando a decisão do entrevistador

Perguntas Comuns na Entrevista

Geralmente a entrevista é rápida com duração media de cinco minutos, e as perguntas sempre são curtas e simples, veja abaixo as perguntas mais comuns na entrevista;
Qual sua idade?
Qual sua renda?
Qual sua profissão
O que seus Pais fazem?
Para onde vai?
Quem Esta pagando sua viagem?

Como se Comportar e o Que Responder

Chegou a hora do momento mais importante de todo o processo e espero que estas dicas ajudem você em sua solicitação. Primeiramente vamos falar no que se vestir porque muitas pessoas exageram para passar uma boa imagem, recomendamos ir bem vestido, bem arrumado, vista a melhor roupa que fica bem em você sem exagerar, aquela que você se sinta confortável.
Vamos resumir aqui as principais dicas para entrevista.

Não Fique nervoso – Nem precisa falar muito né, alias não ficar nervoso vale para qualquer tipo de entrevista.
Respostas curtas – Jamais fica detalhando quando for responder, se o agente perguntar para onde vai, responda sem ficar simplificando.
Não faça gestos e nem olhe para os lados – O entrevistador pode pensar que você esta nervoso e isso não passa confiança
Não minta – Pois quando pessoas mentem, elas demostram sinais de nervosismo e se os agentes perceberem, já era. Além disso, você pode correr o risco de ter futuros problemas para conseguir o visto ou entrar nos Estados Unidos.
Mostre os documentos apenas se for solicitado – Garanto que se você seguir os quatro passos acima, o agente nem te pedirá documentos, e recomendo mostrar apenas se for solicitado.

Alguns agentes iniciam a entrevista de forma simpática, ou ate com brincadeiras, mas mesmo assim saiba dos seus limites, quando ele fizer a primeira pergunta onde no geral são as que colocamos acima, responda com segurança sem alterar o tom da voz, seja calmo e coerente, pois será neste momento que você deverá passar confiança.
Não pense que só porque você faz faculdade e tem uma renda alta significa que conseguirá o visto, todos os dias há casos de pessoas deste perfil tendo seus vistos negados, e de pessoas desempregadas tendo seus vistos concedidos, então o fator principal é convencer o entrevistador consular.
Aplique as dicas acima na sua entrevista e garanto que a ultima coisa que você ouvirá do agente consular será “Visto Concedido”.

Dúvidas? Faça sua pergunta em nosso fórum sobre visto americano
Abraço e boa sorte!

631 Comentários

  • Julio Sousa disse:

    Pessoal, hoje foi minha entrevista no consulado americano em Brasília e gostaria de agradecer as dicas do blog e relatar um pouco da minha experiência pra ajudar quem ainda vai passar por essa etapa.

    Agendei no CASV pra tirar foto às 9h15 e no consulado às 10h15. Cheguei um pouco atrasado no CASV (por volta de 9h25) e preocupado de não conseguir, mas ainda assim deu tudo certo.

    No próprio CASV, um agente muito educado pediu o passaporte e o formulário, entreguei um outro documento e ele: “Apenas os documentos que solicitei, por favor”. Lembrei das coisas que tinha lido aqui e foi bom também pra não errar na hora da entrevista.

    Tudo certo no CASV, saí de lá por volta de 9h40, meio desesperado, pois não sabia a distância entre o CASV e a embaixada. Por sorte (sim, foi sorte mesmo), ficava do lado (cerca de 7 minutos). Bem, chegando começa o nervosismo, antes mesmo de entrar na embaixada. Muita gente tensa, etc…

    Na parte de fora haviam poucas pessoas, mas minha surpresa foi enorme ao entrar na sala de espera. MUITA gente. Aguardei me chamarem e fui pra fila (na espera da entrevista).

    A atendente me colocou na fila e comecei a reparar a entrevista que estava acontecendo. O cônsul fazendo várias perguntas: “De onde você é? Pra onde você vai? Vai com quem? Onde você trabalha? O que seus pais fazem?”. Porém o rapaz estava muito nervoso, percebi pela voz dele respondendo as perguntas. No final, “Seu visto foi negado pelo motivo (que não consegui entender), leia esse folheto”.

    Chegou a minha vez e pensei pronto, vai ser negado. As perguntas foram:

    – C: Bom dia. Você vai pra onde?
    – Eu: Nova York.
    – C: O que você faz?
    – Eu: Sou Diretor Comercial e Desenvolvedor de Sistemas.
    – C: Há quanto tempo você trabalha na sua empresa?
    – Eu: Desde 2012.
    – C: Você conhece alguém nos Estados Unidos?
    – Eu: Não.
    – C: Coloque sua mão aqui. Boa viagem, seu visto foi aprovado.

    Não pediu um documento. Bom, eu vi eles negando visto para algumas pessoas e o que posso dizer sem sombra de dúvida é: a coisa que eles mais prestam atenção é no nervosismo e se você está respondendo de acordo com o formulário DS-160.

    Um abraço e espero ter ajudado.

  • Sandra disse:

    Gostaria de compartilhar minha experiência. Li e reli inúmeras vezes as informações sobre a entrevista e confesso que fiquei muito apreensiva.
    Fui solicitar meu visto aqui em Brasília para mim, esposo e duas crianças, preenchemos o DS 160, pagamos as taxas de $ 160,00 cada, agendamos o CASV num domingo, foi bem rápido o atendimento, e deixamos agendado para quarta dia 25/11 a ida ao consulado.
    Separamos todos os documentos possíveis, escritura de casa, documento de carro, meu imposto de renda, extratos bancários, declaração de escola das crianças e fomos. Eu sou professora e meu esposo corretor de imóveis, por este motivo tive receio, pois ele é autônomo.
    Estávamos agendados para às 08h45, chegamos ao consulado às 07h30, rapidamente fomos colocados na fila, lembre-se, só leve os documentos, bolsa não entra, celular muito menos. Rapidinho a fila andou. Na entrada no consulado, recolheram nossos passaportes e sentamos. Exatamente às 08h45 fomos chamados pelo nome para ir a fila da entrevista.
    O cônsul que nos atendeu foi bem simpático.
    As perguntas foram:
    Cônsul: Bom dia
    Nós: Bom dia!
    Cônsul: Vão para onde?
    Nós: Orlando
    Cônsul: Quantos dias?
    Nós: 10 dias
    Cônsul: Sr. Luis, coloque a mão esquerda no leitor.
    Cônsul: Sra. Sandra, coloque a mão direita no leitor.
    Cônsul: Já foram aos EUA antes?
    Nós: não
    Cônsul: Já tiveram visto antes?
    Nós: Não.
    Cônsul: Luís, o sr trabalha com o quê?
    Luís: Corretor de imóveis.
    Cônsul: Há quanto tempo?
    Luís: dois anos
    Cônsul: Tem curso superior:
    Luis: Sim
    Cônsul: Sandra, a sra é professora universitária?
    Sandra: Não. Sou professora de Ensino Médio.
    Cônsul: E esta renda de … é dos dois?
    Sandra: Não. Esta é a minha a dele é tanto: …
    Cônsul: Já foram para fora do Brasil:
    Luís: Sim.
    Cônsul: Para onde?
    Luís: Argentina e Uruguai.
    Cônsul: Ok. Boa viagem! Aproveitem os USA.

    Simples assim. Não pediu os documentos, porém, respondemos exatamente o que estava no DS 160.
    O legal é ir bem vestido, tirar em família, meninas, não ir parecendo piriguete. Vimos vários vistos sendo negados de jovens sozinhos especialmente.
    Espero ter contribuído!

  • Janaina disse:

    Oi..estive dia 30/11/15 visto negado

    Gostaria de deixar minha experiência no consulado
    eu e meu esposo fomos tirar juntos
    fomos no Rio de Janeiro no dia 29/11 fomos no casv tudo muito rápido lá nosso horário era 15:30 e fomos 12:15 e já entramos e tudo certo.
    no dia seguinte nosso horário era 12:15 chegamos 11:15 esperamos um pouco na fila depois entramos,pois as filas são feitas por horários agendando

    Entramos sentamos e esperamos mas um pouco e lá vamos nos

    Consul: Boa Tarde
    nos: boa tarde

    consul: Pra onde vão?
    nos:orlando
    consul: sr onde trabalha?
    meu esposo? empresa tal
    consul: oq faz lá?
    meu esposo:faço tal…
    Consul: sua empresa é multinacional?
    Esposo: não
    Consul:já viajou pra fora do pais?
    esposo: sim,paraguai
    consul:sra oq faz?
    eu: faço tal…
    Qual sua area?
    eu: minha area tal…
    consul: connhecem alguem no eua?
    nos: não
    consul qual a renda do casal?
    nos:tal…
    consul: tem filhos
    nos:não
    consul:casados?
    nos :sim
    consul qual pais foi viajar mesmo argentina?
    nos: não paraguai
    consul: moram com os pai?
    nos:naõ
    consul:tem casa propria?
    nos: sim
    digitou,digitou…..
    e disse infelizmente não se encaixam para entrar nos eua

    Obs… não pediu um sequer documentos…super antipático….não entendemos pois estávamos super tranquilo , ficamos olhando para ele a todo momento, não articulamos com maõs, ficamos focados nele e super tranquilos
    mas não foi dessa vez!

  • laryssa disse:

    Já o meu foi bem diferente.
    Eu levei todas as documentações necessária, estava super calma, ele me pediu alguns documentos eu entreguei. Tenho empresa, faço faculdade aqui no Brasil, isso que estou n meu ultimo ano, e só queria o visto pra viajar.
    E o que o agente falou : NEGADOO
    E sabe o por que ? por que ele disse que eu possuo vínculos muito forte o Brasil.
    Gente não é isso exatamente o que eles querem ? vínculos no Brasil, pois é pra mim eles fazem o que querem, vai da sorte.
    No meu caso tive 0 de sorte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>